© 2016 por Bluerivers. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook App Icon
  • Twitter App Icon
  • Google+ App Icon

Na Bluerivers, sabemos como é importante que sua viagem supere as expectativas!
Todos os detalhes são observados para que sua vivência seja a mais prazerosa e gratificante possível.
Nossa equipe de guias, experientes e atuantes nas regiões visitadas, está sempre preparada para conduzir o grupo de forma confortável, alegre e, principalmente, segura.
Nada de “pacotes prontos”, tirados da prateleira. Os roteiros são personalizados, “tailor-made”, e elaborados levando-se em conta as reais necessidades e o perfil de cada grupo viajante. 
Para isso, lançamos mão da experiência de 20 anos criando viagens especiais em ambientes naturais no Brasil. 
Escolha seus destinos preferidos e deixe a
Bluerivers torná-los realidade.   

Amazônia
O verde interminável, rios cujas margens se perdem no horizonte, árvores centenárias. Uma das últimas fronteiras do homem no planeta.
O revezar constante entre o silêncio e os milhares de sons emitidos pelos representantes de uma das maiores biodiversidades do planeta é hipnotizante.
Com a
Bluerivers, a partir de Manaus ou Belém, você pode conhecer a maior floresta tropical do planeta hospedando-se em hotéis de selva ou viajando a bordo de embarcações exclusivas, especialmente projetadas, que, serpenteando entre rios e igarapés, chegam aos rincões mais exuberantes e menos visitados da região.
Praias fluviais, cachoeiras, trilhas na mata, encontros com comunidades ribeirinhas autênticas... Os roteiros proporcionam uma combinação perfeita de sensações nesta que é uma das mais deslumbrantes regiões da Terra.
Melhor época: entre Setembro e Março
Duração ideal da viagem: a partir de 04 noites
Imagens: Katerre /Daniel Topel / Demian Topel
 
Bonito (MS)
Bonito, no estado de Mato Grosso do Sul, despontou para o turismo no início da década de 1990. De lá até hoje, foi eleito por 11 vezes consecutivas o melhor destino ecoturístico do Brasil! Um modelo de exploração responsável do turismo em nosso País.
Em Bonito, o viajante mergulha em rios azuis de transparência inigualável, riquíssimos em fauna e flora graças à proximidade com o Pantanal. Peixes de todas as cores e tamanhos são nossos companheiros nas flutuações. Uma surpresa a cada curva de rio!
Em terra, animais e aves típicos do Cerrado, como tamanduás, emas, papagaios, tucanos, araras e outros bichos fazem suas aparições para deleite dos visitantes. Trilhas ao longo de rios e piscinas naturais, cavernas com decorações fantásticas e atividades mais técnicas como mergulho em cavernas e rapel completam os atrativos desta região.  
Melhor época: o ano todo, sendo que de Abril a Setembro é a época mais seca, e os rios ficam ainda mais transparentes. Podem ocorrer frentes frias nos meses de Julho e Agosto.
Duração ideal da viagem: a partir de 04 noites
Imagens: Daniel De Granville
Chapada dos Veadeiros (GO)
Em Goiás, a cerca de 220 km de Brasília, fica o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Em pleno Planalto Central, nos deparamos com platôs onde o pôr-do-sol é uma obra de arte e rios que correm entre desfiladeiros (canyons) para depois formar cachoeiras de tirar o fôlego. Um cenário perfeito para aqueles que gostam de caminhar nas imensidões das paisagens que parecem não ter fim. Tida por muitos como um lugar místico, a Chapada dos Veadeiros também abriga comunidades tradicionais e populações remanescentes de quilombos, que podem ser visitadas. Para os mais aventureiros, é possível realizar atividades como rapel em cachoeiras, Canionismo e tirolesas com nomes sugestivos como “Vôo do Gavião”. Pousadas charmosas são a melhor opção de hospedagem na região.
Melhor época: o ano todo, sendo que entre Abril e Setembro é a época mais seca, com águas mais cristalinas. No inverno, as temperaturas podem atingir os 30 ºC durante o dia, baixando para cerca de 15ºC à noite.
Duração ideal da viagem: a partir de 03 noites
Imagens: Ion David
Pantanal (MS)
Pantanal, terra de encantos. 
Abrangendo uma área maior que Escócia e Inglaterra juntas, o Pantanal é considerado um dos grandes santuários de vida animal ainda preservados no Planeta, onde a principal atração são os encontros inesquecíveis com a vida selvagem. 
Acostumado ao ciclo anual das águas, que alterna períodos de cheia com a estação da seca, o homem pantaneiro é um exemplo vivo de adaptação ao meio para garantia da sobrevivência. 
Seja no Pantanal Norte (estado de Mato Grosso) ou no Pantanal Sul (estado de Mato Grosso do Sul), nossos companheiros de viagem serão capivaras, jacarés, cervos, antas, milhares de aves e, com um pouco de sorte, os “big two” da região: a sucuri e a onça pintada!
A
Bluerivers tem opções de roteiros especiais para fotógrafos interessados em registrar a fauna pantaneira, com acompanhamento de profissionais da fotografia renomados e especializados na captura de imagens únicas.
A cavalo, em barcos, caminhões-safári ou a pé, a
Bluerivers coloca você frente a frente com esta região fantástica.
A hospedagem é feita em fazendas tradicionais, o que dá um toque regional autêntico à viagem.
Melhor época: de Maio a Outubro (este período pode variar de acordo com as condições de chuva no ano).
Duração ideal da viagem: a partir de 03 noites
Imagens: Daniel De Granville / Refúgio Ecológico Caiman /Demian Topel

Cavernas & Floresta Atlântica (SP)
A ligação do ser humano com as cavernas vem de tempos imemoráveis...
O Brasil abriga várias províncias espeleológicas, cada uma com suas características especiais. 
Os roteiros da Bluerivers acontecem no entorno do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR), situado no extremo sudoeste do estado de São Paulo, a cerca de 350 km da capital, numa das mais importantes áreas remanescentes de Mata Atlântica no País.
Lá, rodeadas por uma floresta exuberante, existem mais de 200 cavernas, várias delas abertas à visitação. 
Enquanto algumas possuem rios e cachoeiras em seu interior, outras cavernas nos brindam com uma decoração fantástica, composta por estalactites, estalagmites e outros espeleotemas criados pela ação da água no solo calcário ao longo de milhares de anos. Imperdível a sensação do “blecaute”, quando apagamos momentaneamente todas as lanternas na caverna e todos os nossos sentidos afloram, aguçados pelo silêncio e pela escuridão... 
Trilhas ao longo de rios cristalinos, piscinas naturais e cachoeiras completam a paisagem. 
Melhor época: o ano todo, sendo que na época de chuvas (verão), algumas cavernas podem ser interditadas devido ao volume dos rios.
Duração ideal da viagem: a partir de 02 noites (final de semana)

Imagens: Parque Aventuras Petar

Praias & Floresta Atlântica
Litoral Norte de São Paulo
O litoral brasileiro é privilegiado quando o assunto são suas praias. E, ao longo de seus cerca de 8 mil quilômetros banhados pelo Atlântico, podemos tranquilamente dizer que algumas das praias mais belas encontram-se no Litoral Norte do estado de São Paulo, passando por Ilhabela e avançando pelo Rio de Janeiro até a região de Paraty. Nesta região, o verde da floresta se debruça sobre o azul do oceano, criando um cenário perfeito para os mais variados tipos de atividades, que vão da simples contemplação à prática da vela, canoagem, mergulho, trilhas na mata e surfe.
Que tal explorar as ilhas a bordo de canoas havaianas? Ou chegar num veleiro às praias mais cativantes da Ilhabela?
Pousadas de muito charme e restaurantes estrelados oferecem o que há de melhor em hospedagem e culinária caiçara.
Melhor época: o ano todo, sendo que a época de chuvas acontece no verão.
Duração ideal da viagem: a partir de 02 noites (final de semana)

 

Litoral Sul de São Paulo
Não menos atraente, porém menos conhecido, é o Litoral Sul de São Paulo. Os manguezais da região de Cananéia e Ilha do Cardoso foram decretados Patrimônio Natural da Biosfera, e são o mais importante berçário de espécies marinhas do Atlântico Sul. Aqui as praias são longas e desertas, convidando-nos a caminhadas que alternam trechos de areias brancas e fofas com rios e cachoeiras escondidos na mata. A hospedagem mais bem aparelhada fica em Cananéia, ao passo que ficar em pousadas simples mais ao sul da ilha significa um contato íntimo com a paisagem, a cultura e os costumes caiçaras. Uma experiência inesquecível. 
Melhor época: o ano todo, sendo que a época de chuvas acontece no verão.
Duração ideal da viagem: a partir de 03 noites.

Imagens: Demian Topel / Tomás Guidotti / BL3